15 de jun de 2010

Juíz



à Flor do Sul













Liberte seu amor
desse capricho
da posse.
Compartilhar
o afeto oportuniza
os diálogos
desinteressados.

Fogo é brilho
nos olhos
que não
se satisfaz
em vê-lo.

Teu sementado espaço
te pertence,
por capricho e graça.
Se por nobres flores
apanhas a sabedoria
das simples afetividades,
seus dias alongam a tradição.

Instinto convida ao pão,
aos sabores novos...




 Se diz aí. 16[bic/sobre papel + um pouco de photoshop]






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...